Deus é uma experiência que precisa ser vivida

Sim! Deus é uma experiência que precisa ser vivida! Ninguém pode amar o que não conhece. Uma vez ou outra nós ouvimos pessoas dizendo que não gostam disso ou daquilo e dizem isso, mesmo sem conhecer aquilo que dizem não gostar.

Por exemplo, tem gente que diz assim: ah não quero comer isso não! porque eu não gosto. Mas nunca experimentou aquilo que diz não gostar e apenas por uma visão estereotipada da coisa já diz e acredita mesmo que não vai gostar, mesmo sem experimentar. E é claro que se ele acredita que não vai gostar, não vai gostar mesmo.

Deus é uma experiência? Sim! Deus é uma experiência que precisa ser vivida, Ele precisa ser experimentado para ser vivido, ninguém pode amar a Deus se não o experimentar. É claro que Deus Vive independente de nós, mas nos criou para que pudéssemos experimenta-lo e Ele a nós.

Se você estiver se perguntando Quem é Deus e quem somos nós? << Leia este texto.

Ciência e Religião

Tudo isso parece muito óbvio, no entanto muitos não conseguem perceber, não abrem o coração, não estão prontos para o desconhecido, têm medo. Tem muita gente que só se atém à ciência, acha que é ela quem pode definir o que é e o que não é. Mas se você parar para pensar só um pouquinho vai ver quanta mudança e quantas vezes as ciências se contradisseram, isso mesmo! o que está certo hoje para a ciência pode estar errado amanhã.

Gosto do exemplo que tenho como clássico, o exemplo do Ovo. Desde criança já ouvi várias e diversas orientações quanto ao comer ovo: – Coma ovo que faz bem, – Ovo frito faz mal, – Coma ovo cozido, – Ovo eleva o colesterol, – Ovo precisa ser com gema mole, – Coma só a clara que é onde está a proteína, a gema não. Etc. e tal… Este é apenas um dos exemplos que gosto de citar.

No entanto quero deixar mais do que claro que não sou contra a ciência, muito pelo contrário, sou um amante da ciência e da tecnologia. Sou mesmo! e como Astrônomo Amador é onde eu me encontro com a ciência como estudante. Amo a Administração, embora esta seja uma ciência social, é uma ciência como as outras com todos os estudos sistemáticos e experimentações que cabem em toda a ciência.

O ponto que preciso enfatizar e retomar é que ninguém pode dizer que ama algo ou alguém se não o conhecer. Eu amo a Astronomia, pois estudei bastante sobre o assunto, fiz diversos cursos, li incontáveis livros sobre cosmos, universo, física e assuntos afins, portanto sei o que digo: amo astronomia.

O mesmo eu posso dizer de Administração, Sociologia, Filosofia, Antropologia, entre outras ciências que me deparei com prazer, lendo, estudando e experimentando. Mas eu não posso dizer que não amo as ciências que não conheço, só porque não as conheci.

Leio e já li diversos livros religiosos tantos que não tenho a conta, alguns puramente religiosos e teológicos, outros fazendo uma relação entre ciência e religião e muitos destes livros me fizeram cada vez mais convicto de minha fé. Por isso posso dizer: amo a Deus e ao mistério que envolve o seu conhecimento profundo, e pelo pouco que conheço de Deus posso afirmar sei que Ele É Aquele que É.

Acreditar para ver ou ver para acreditar?

Voltamos ao ponto: Deus é uma experiência que precisa ser vivida, Deus precisa ser experimentado para ser amado. Reafirmo, ninguém ama o que não conhece, ninguém pode dizer que não gosta do que não conhece.

Se você pretende curtir uma viagem profundamente, aliás viagem é investimento, você precisa estudar um pouquinho do lugar que você vai visitar, saber algo sobre os pontos turísticos principais e de preferência sentir um pouco, experimentar pelo menos algumas quadras distantes dos pontos turísticos para ter uma noção de onde você está indo, pois se você ficar só nos lugares turísticos, você não conheceu na verdade nada de um lugar. É preciso, portanto, experimentar um lugar, assim ocorre com tudo na vida. Para se conhecer algo é preciso experimenta-lo.

A propósito tem gente que nem na ciência acredita, são os “negacionistas”, não conhecem nada, não se interessam em estudar um pouco que seja e já vão dizendo, não acredito! Incrível! Quantos cegos estão por aí, assistem TV, usam seus celulares, automóveis, luz elétrica, aviões, mas acham que tudo isso Surgiu do Nada… chega a ser engraçado, não é mesmo? Os cegos que só “enxergam” as poucas coisas que apalpam (para isso vejo o texto: Quatro Cegos e a Avaliação de um Elefante. Como cada um o vê?)

Você pode ver e por isso acreditar, mas você pode acreditar para poder ver. Acho que na mesma analogia que fiz antes, ninguém vai amar o que não conhece e nem mesmo vai conhecer se estiver com o coração fechado para poder ver, sentir… entende?

E como Viver esta Experiência?

Como viver esta experiência? Experimentando é claro! E como experimentar Deus?

Lendo a bíblia, procurando conversar com Deus da mesma maneira que você conversa com um amigo confidencial, abrindo o coração. Faça isso em voz alta ou mesmo nos seus pensamentos em um lugar calmo, agradável. Procure meditar, refletir, sentir. Procure conversar com Deus, Ele te ouve! Esteja certo disto.

Fale em voz alta ou no teu pensamento, Ele te ouve e vai te responder, em sonho, através de alguém, em uma situação que você pensa que foi uma intuição, em um livro religioso que você lê, na Bíblia… Deus nos fala de várias maneiras.

Para isso é Importante que você busque a Deus, leia livros religiosos, livros de pessoas que viveram a experiência de Deus, bibliografias relacionadas, enfim leia livros espirituais.

Da mesma maneira que as pessoas vão para uma academia para se exercitar, para treinar; da mesma maneira que as pessoas vão para a escola, para estudar para aprender… da mesma maneira que as pessoas exercitam aquilo que precisam praticar para ter uma saúde física e mental, é preciso experimentar, treinar, exercitar, ir a uma “escola”, a uma “academia” da Fé.

Você pode estudar sozinho, você pode malhar, treinar sozinho, você pode fazer quase tudo o que deseja sozinho, no entanto aprendemos mais juntos, treinamos melhor juntos, e conhecemos e experimentamos a Deus melhor, juntos.

Acredito que me fiz entender… Você só acreditará e você só amará o que conhecer e o que experimentar. E sem ler, sem conversar com pessoas que conhecem, sem estudar, sem conversar (orar) com Deus com o coração aberto, não tem como conhecê-Lo, experimenta-Lo.

Parece difícil, mas não é! Também não é simples, principalmente para quem tiver estereótipos ou dogmatismos muito fortes em sua mente, para estes recomendo tentar se libertar de pré concepções… sei que não será fácil, mas posso garantir com certeza absoluta que quando você encontrar a Deus e com Deus verdadeiramente em seu coração em sua vida, você encontrará a única e Verdadeira Felicidade que um ser humano pode ter neste Planeta Azul, não há outro bem e nem outro prazer que o substitua…

Então assim finalizo e reafirmo: Deus é uma experiência que precisa ser vivida!

Abraço, Benito Pepe

Deixe sua opinião sobre este texto, o que você pensa sobre isso? Você teve alguma experiência com Deus? nos conte…

Benito Pepe

Administrador, Filósofo, Astrônomo Amador, Colunista, Palestrante, Instrutor e Professor Universitário. Tem formação acadêmica em: Administração de Empresas, com pós-graduações em: Administração estratégica de empresas; Marketing; Filosofia Contemporânea; e Filosofia Antiga. Publica seus textos sobre Filosofia, Astronomia, Administração, Marketing, Religião e Assuntos da Atualidade, além de um Papo geral.

5 3 Votos.
Article Rating
Se inscreva
Avise-me de
4 Comentários
Mais antigo
Mais novo Mais votado
Feedbacks em Linha
Ver Todos os Comentários
Carlos Henrique Aquino
4 meses atrás

Olá Benito!
Diretamente nunca tive uma experiência com Deus, mas procuro sempre seguir a doutrina filantrópica que a grande maioria das religiões pregam, que consiste em respeitar o próximo, procurar ajudar sempre os mais necessitados (principalmente com empregabilidade), estimar sempre bons votos de sucessos ao semelhante! Sei que realizando alguns desses atos, cremos que não precisamos ver Deus para ter diretamente essa experiência divina, mas indiretamente estamos cultuando bons indícios divinos para quem sabe, chegarmos próximos o que Deus almeja sempre: empatia sempre.

Abração

Gisela Camargo
4 meses atrás

Realmente…para conhecer a Deus é preciso vivenciar, buscar, esperar…e para isso é preciso crer, ter fé, certeza daquilo que não se vê….mas se vive.
Obrigada pelo lindo texto, Benito.

4
0
Deixe seu Comentário...x
()
x