Esta é uma adaptação de um texto que fiz na minha pós-graduação em Administração. Aqui o apresento de forma reduzida. Você poderá ver este trabalho de forma mais completa através do texto: Ambiente de Trabalho nas Pequenas Empresas e o Endomarketing (Marketing Interno)

 

1.1. Introdução

O ambiente reflete no ser humano?

Bem, podemos, por exemplo, observar um shopping Center e a maneira como as pessoas normalmente se comportam quando estão lá dentro. A limpeza, o clima, a decoração, as pessoas bem vestidas ou não, fazem com que ajamos de certa maneira. Podemos também ir à praia e veremos como as pessoas estão se comportando, ou em uma igreja, um clube, uma noitada ou em um casamento formal. Poderíamos dar tantos outros exemplos. Mas é claro que não seria só o tipo do ambiente que poderia influir em nosso comportamento; também deve influenciar a forma em que o ambiente é moldado, decorado, o tipo de roupa permitido, a climatização, o visual, as cores das paredes, flores no ambiente, obras de arte, quadros, conforto em geral, entre tantos outros fatores.

Portanto podemos supor que o ambiente de trabalho também deve influir no comportamento das pessoas e, por conseguinte influenciar nas relações interpessoais e supostamente nos resultados das empresas em todos os sentidos.

Pode-se observar historicamente uma grande evolução no ambiente de trabalho desde a revolução industrial até o final do século XX. E quais serão as perspectivas para o século XXI?

Temos que relembrar que já estamos no século XXI, assim sendo, já não seria hora de questionar alguns paradigmas quanto aos ambientes de trabalho? Muito bem! Sabe-se que muitos já pensaram nisso, porém não há trabalhos significativos neste campo. Ao se pensar nisso decidiu-se elaborar um projeto de pesquisa onde se buscará demonstrar que muitos aspectos e formas no ambiente de trabalho já podem e devem ir modificando-se. O ideal poderia ser o nosso ambiente de trabalho tornar-se a extensão de nossa casa e muitas vezes será a nossa própria casa ou como se assim fosse.

Como que o ambiente de trabalho pode influir ou não nos relacionamentos interpessoais?

2.1. Motivação ou Não, Causada pelo Ambiente de Trabalho

É sabido que o ser humano é fruto do meio em que vive e que é gerido por necessidades básicas que os podem motivar ou não, são elas: necessidades fisiológicas como: alimentação, sono, atividades física, satisfação sexual etc; necessidades psicológicas como: segurança íntima, participação, autoconfiança e afeição; necessidades de auto-realização como: impulso para realizar o próprio potencial, e estar em contínuo auto-desenvolvimento. Estas necessidades não satisfeitas também são motivadoras de comportamento, podendo levar a: desorganização de comportamento; agressividade; reações emocionais; alienação e apatia.

Segundo Chiavenato (2000)

A motivação se refere ao comportamento que é causado por necessidades dentro do indivíduo e que é dirigido em direção aos objetivos que possam satisfazer essas necessidades. (p.161)

Também segundo Chiavenato (2000)

O homem é considerado um animal dotado de necessidades que se alternam ou se sucedem conjunta ou isoladamente. Satisfeita uma necessidade surge outra em seu lugar e, assim por diante, contínua e infinitamente. As necessidades motivam o comportamento humano dando-lhe direção e conteúdo. (p.128).

Como se pode verificar supõe-se que os relacionamentos interpessoais dependerão das realizações e satisfações das necessidades individuais, mas também se pode verificar que muitas vezes os homens se comportam de forma dualista.

Segundo Chiavenato (2000)

O homem se caracteriza por um padrão dual de comportamento: tanto pode cooperar como pode competir com os outros. Coopera quando os seus objetivos individuais somente podem ser alcançados através do esforço comum coletivo. Compete quando seus objetivos são disputados e pretendidos por outros.(p.128)


2.2. Influência do Ambiente

Não se pode exigir resultados de uma equipe se esta não tiver um mínimo de comodidade e de condições para realizar suas necessidades básicas. Mas se acredita que quanto melhor e mais bem atendidas estas necessidades tanto melhor será o desempenho de uma equipe.O ambiente de trabalho é constituído de duas partes distintas: a física (instalações, móveis, decoração etc) e a social (as pessoas que o habitam).

Segundo Magalhães (1990)

…influem no conforto social. Evidentemente, se tais elementos forem precários, ninguém trabalhará com moral elevado. Conforme a natureza do trabalho, exigir-se-á uma luminosidade, uma temperatura, um grau de umidade diferente, o que também deverá estar de acordo com a região onde se trabalha e a época do ano. (p. 51)

No próximo tópico: Relações Interpessoais e Qualidade de Vida no Trabalho

Abraços do Benito Pepe

Related posts:

  1. Parte III – A Aprendizagem e as Relações Interpessoais no Ambiente de Trabalho: O Caso do “Apart-hotel P”
  2. A Aprendizagem e as Relações Interpessoais no Ambiente de Trabalho: O Caso do “Apart-hotel P”
  3. Parte II – A Aprendizagem e as Relações Interpessoais no Ambiente de Trabalho: O Caso do “Apart-hotel P”
  4. Treinamento, Palestra ou Workshop – “Relações Interpessoais e o Ambiente de Trabalho”
  5. Resumo do primeiro dia no Treinamento “Ambiente de Trabalho e as Relações Interpessoais”
  6. Relações Interpessoais e Qualidade de Vida no Trabalho
  7. Um Bom Ambiente de Trabalho é Fruto da Sorte?
  8. Ambiente de Trabalho nas Pequenas Empresas e o Marketing Interno (Endomarketing)
  9. A Fábula do Rato e uma Analogia com o Ambiente de Trabalho
  10. A questão da confiança. Evite frustrações no Ambiente de Trabalho

Tags: , , , , , ,

47 Responses to “Ambiente de trabalho e as relações interpessoais”

  1. Walter Says:

    Boa noite

    Meu caro Benito, estou realizando um trabalho para faculdade, estou cursando Administração, e o assunto abordado no seu artigo “Ambiente de trabalho e as relações interpessoais”, é exatamente o que procurava, porém preciso de informações sobre alguns autores citados, Magalhães e Bom Sucesso.
    Preciso destas informações até a próxima quinta-feira, caso você possa me ajudar, ficarei agradecido, uma vez que o prazo de entrega do trabalho é para a próxima segunda-feira.

    Um forte abraço.

    Obrigado,

  2. Benito Pepe Says:

    Olá Caro colega Walter, obrigado pelo questionamento. Tomei a liberdade de publicá-lo no meu site devido ter havido outras pessoas com a mesma pergunta que a tua.

    Então vamos ver quem são esses autores:

    Bom Sucesso. Edina de Paula Bom Sucesso, é psicóloga com Mestrado em Administração de Empresas pela Faculdade de Ciências Econômicas da Universidade Federal de Minas Gerais e especialista em Diagnóstico Organizacional pelo Centro de Treinamento de Yokohama, no Japão. Participou da Missão de Educadores Brasileiros para a Qualidade na Educação na Universidade da Pensilvânia, nos Estados Unidos. Presta consultoria a várias empresas públicas e privadas nas áreas de desenvolvimento Organizacional, Formação de Consultores, desenvolvimento de Líderes, Diagnóstico de Clima e de Perfil Gerencial e Desenvolvimento de Equipes de Trabalho. É diretora da ERGON Consultoria e Educação Continuada e autora dos livros: Relações Interpessoais e Qualidade de Vida no Trabalho; Competências em Consultoria: a Teoria, na Prática;
    “Afeto e Limite: uma vida melhor para pais e filhos”, “Auto-estima e Felicidade e Competências em Consultoria” da Qualitymark Editora.
    Além deste livro que cito no meu texto “Trabalho e qualidade de vida” da Dunya Ed a edição que tenho em mãos é a de 1997. Na ocasião foi uma publicação da Qualitymark/ Dunya Ed.

    Quanto ao Magalhães. Celso Magalhães, só sei que é um livro que foi publicado pelo IBGE, a edição que tenho é de 1980 e eu tive o prazer de estudar este livro por um semestre com um grande professor chamado José Omar Duarte Ventura, no meu 2º grau que foi no SENAC curso de Assistente de Administração, é um dos livros que guardo com carinho especial é o considero muito. Continuei consultando-o na faculdade de Administração e nas pós-graduações que fiz. O titulo é: “Técnica da Chefia e do Comando”. Outro livro deste autor que tive conhecimento é, “Relações Públicas e Relações Humanas”.

    Espero ter podido ajudar e sugiro que você leia também o meu texto completo: Ambiente de trabalho nas pequenas empresas e o marketing interno (endomarketing) veja o link > http://www.benitopepe.com.br/2009/03/04/ambiente-de-trabalho-nas-pequenas-empresas-e-o-marketing-interno-endomarketing/

    Abraços do Benito Pepe
    Boa sorte no trabalho e fique a vontade para novas consultas.

    Ps vide no final deste texto a bibliografia completa

  3. Relações Interpessoais e Qualidade de Vida no Trabalho | Benito Pepe Says:

    [...] Ambiente de trabalho e as relações interpessoais Ética, política e Poética – “Ciências Práticas” em [...]

  4. gustavo Says:

    o testo até que é bom.mais os erros de portugês são grandes !!!
    abraços amigo !!!

  5. stela Says:

    é gustavo, os seus erros de português tbm são grandes. releia seu comentário e veja quantos vc pode encontrar.

  6. Benito Pepe Says:

    Olá Gustavo, obrigado pela brincadeira e pelo elogio ao “texto”, escrever que meu texto (“texto” se escreve com “x” e não com “s”) é bom, mas (“mas” sem o “i” com o i é acrescentar, somar, e não o sentido de porém que você queria mencionar, suponho eu) os erros de português… (“português” se escreve como fiz e não assim “portugês” como você escreveu) são grandes…

    Confesso-te que eu ri pra caramba, achei bem legal! De qualquer maneira quero aproveitar e pedir desculpas aos amigos leitores, e a você agradeço essa oportunidade, para confessar que o meu forte não é o português não, se ainda fosse uma portuguesa seria melhor hehehe.

    Por fim, por favor amigo leitor, quando encontrar algum erro me comunique a fim de que eu o possa corrigir, ficarei muito grato com o leitor que me avisar onde estão os erros. Valeu?

    Abraços do Benito Pepe

  7. Benito Pepe Says:

    Obrigado Stela! Encarei o comentário do Gustavo como uma “brincadeira”, de qualquer forma foi produtivo, de fato sei que precisamos sempre nos aprimorar. Mas seria mais interessante se ele mencionasse onde se encontram os erros, para que eu os pudesse corrigir.

    Abraços do Benito Pepe

  8. mima Says:

    oi pepe amei seu comentario ;estou precisando de mas coisas sobre relaçoes ;interpessoais no ambiente de trabalho pois tenho um trabalho para apresentar logo ,logo na faculdade agradeceria a sua ajuda abraço mima melry.

  9. Benito Pepe Says:

    Olá Mima, obrigado pelo carinho e parabéns pela escolha do tema. Bem, quanto a mais material para o tema ambiente de trabalho e as relações interpessoais te sugiro ler o meu texto completo chamado “Ambiente de trabalho nas pequenas empresas e o marketing Interno” veja o link acima logo no início deste texto. Lá também você poderá ver uma boa bibliografia que é citada por mim. Se eu puder ajudar em algo mais, fique à vontade para solicitar ok?

    Abraços do Benito Pepe

  10. Rosalia Says:

    gostaria de entender de relacionamento interpessoais

  11. Benito Pepe Says:

    Olá Rosalia, eu também gostaria de entender hehehe. Relacionamento Interpessoal é realmente muito complexo. É sem dúvida um dos campos da administração que dão mais “dor de cabeça” aos gestores. Você pode estudar profundamente os materiais, insumos e produtos de sua empresa, é difícil, mas tem uma base, um fundamento, uma normalidade. Agora, quando falamos de “recursos humanos” é tarefa ardoa e complicada mesmo. Conhecer um ser que se modifica como um Rio, e nos surpreende como um mar… é tarefa para poucos aventureiros ehehe. Eu estou apreendendo a não me surpreender com as pessoas, pois das que você espera uma coisa vem outra e vice-versa.

    Abraços do Benito Pepe, e obrigado pela oportunidade.

  12. solange Says:

    Achei teu trabalho bem bacana, se eu me decidir a fazer meu trabalho de concluão do curso de pós- gradução em Gestão Escolar sobre esse tema “As relações interpessoais no ambiente de trabalho”, se você permitir que eu consulte a sua monografia terei uma ótima fonte de pesquisa.

  13. Benito Pepe Says:

    Olá Solange, fico grato por você ter achado meu trabalho bacana. Quanto a você consultar minha monografia, esteja à vontade para fazê-lo, mas lembre-se de fazer a devida citação, certo? Bem, no mais você pode ver este trabalho completo com o título ” Ambiente de trabalho nas pequenas empresas e o marketing interno (endomarketing)” veja o link > http://www.benitopepe.com.br/2009/03/04/ambiente-de-trabalho-nas-pequenas-empresas-e-o-marketing-interno-endomarketing/

    Se precisar mais alguma informação entre em contato e bom trabalho!!

    Abraço, Benito Pepe

  14. josé omar duarte ventura Says:

    Caro Benito Pepe, fiquei surpreso ao deparar com o seu comentário, e muito agradecido pelas palavras, é por estas e outras que compensa a vida de educador. Abraço e desejo de sucesso. José Omar Duarte Ventura

  15. Benito Pepe Says:

    Olá José Omar Duarte Ventura, eu é quem agradeço, inclusive por este teu comentário em meu site/blog.

    Abraços do Benito Pepe

  16. Roberta Rodrigues Says:

    Boa Tarde

    Benito Pepe

    Adorei seu trabalho parabéns!!
    estou fazendo meu pré-projeto faço RH
    escolhi o tema Relações Interpessoais abordando na admistração de conflitos.
    aff ô dificuldade pra fazer esse trem viu… se vc tiver materiais que possa me ajudar desde já agradeço
    Att
    Roberta

  17. Benito Pepe Says:

    Olá Roberta, Obrigado pelo carinho. Administração de conflitos é um ótimo tema, e realmente como o próprio nome diz é um verdadeiro conflito hehe, bem, quanto a material para o teu tema, você pode dar uma olhada geral em meus artigos de administração e marketing, tenho bastante coisa neste menu, e também siga as bibliografias no fim dos textos, mas lembre-se que este é um tema mais amplo do que pode parecer, você pode dar uma olhada na seqüência deste meu trabalho e veja o link >> http://www.benitopepe.com.br/2008/12/05/inteligencias-aplicadas-no-ambiente-de-trabalho/

    Abraços do Benito Pepe, boa sorte!! Depois me mande teu trabalho.

  18. Jean Lucca Says:

    Olá professor. Parabéns pelo seu site! Irei prestar concurso público para o If-Su RS. Estou estudando atraves desse artigo, pois uns dos tópicos do concurso é:
    “Relações intrapessoais e interpessoais, autoconhecimento e percepção social”
    Gostaria de saber se o senhor não teria mais artigos sobre este assunto, ou ate mesmo questões de como poderão abordar isso em prova. Desde já, obrigado pela atenção!

  19. Benito Pepe Says:

    Olá Jean Lucca, obrigado pelo carinho. Tenho outros artigos sobre o tema sim! Basta você seguir os links, que estão acima onde está escrito “Related posts” além de outros artigos que você pode encontrar visitando o menu ou mesmo indo em “busque neste site” e escrever o tema.

    Boa sorte no concurso, volte sempre no meu site. Abraços do Benito Pepe

  20. A Máquina pode substituir o Homem? | Benito Pepe Says:

    [...] Qual é o ambiente mais adequado para seu funcionamento? (ambiente de trabalho e as relações Interpessoais) [...]

  21. ILDA ANTONIA Says:

    OI PEPE!!!
    ADORO LER O QUE VOCÊ ESCREVE.
    OBRIGADO MESMO, VOCÊ ME AJUDA MUITO NOS TRABALHOS PARA TCC. E POR FALAR EM TRABALHO, GOSTARIA DE ENTRAR EM CONTATO COM O WALTER, DA PERGUNTA Nº1, É SOBRE O TRABALHO QUE ELE FEZ PARA O CURSO; SE PUDER AJUDAR-ME, AGRADEÇO.
    ABÇOS!!!!!!!!!
    ILDA

  22. Benito Pepe Says:

    Olá Ilda, obrigado pelo carinhoso comentário. Alegra-me saber que meus textos têm te ajudado em teus trabalhos, este de fato é um dos meus textos mais visitados.

    Quanto ao Walter, ele só fez este comentário e depois não voltou a comentar, pelo menos a partir de 25 de maio deste ano. Infelizmente o meu PC teve problemas e eu perdi todos os e-mails anteriores a maio deste ano. A única chance tua é se ele tiver assinado para receber os comentários deste artigo, vamos ver se ele aparece.

    A propósito você já assinou para receber os boletins do meu site? Bem, se não faça é fácil e grátis, e assim você saberá sempre que eu postar algo novo.

    Abraços do Benito Pepe

  23. Resumo do primeiro dia no Treinamento “Ambiente de Trabalho e as Relações Interpessoais” | Benito Pepe - Palestras, Treinamento de Equipes e Cursos Says:

    [...] A palestra começou com a apresentação da empresa Texas e de seu maior Parceiro e Facilitador Âncora: Benito Pepe. Falou-se da experiência de mercado, e de alguns de seus Treinamentos e Palestras. Entre elas foi destacada a do Hotel Palladium que no ano de 2010 pareceu ser uma das mais positivas devido a grande repercussão e adesão dos participantes neste mesmo Treinamento que estamos fazendo em nossa empresa: Ambiente de Trabalho e as Relações Interpessoais. [...]

  24. Os quatro Pilares da Vida | Benito Pepe - Palestras, Treinamento de Equipes e Cursos Says:

    [...] Vamos ao terceiro Pilar: o trabalho. Sem trabalho não se consegue nada, o homem que vive sem uma atividade financeira não é o mesmo homem que vive do seu trabalho. Como dizia o poeta Gonzaguinha: “a vida é o trabalho e sem o seu trabalho, se morre, se mata, não dá pra ser feliz, não dá pra ser feliz.” É bom lembrarmos que os colegas de trabalho, os colaboradores, são nossa segunda família. Considerando-se o tempo em que estamos juntos, na maioria das vezes é nossa primeira família. Muitos de nós conversamos mais com os colegas de trabalho do que com alguns membros de nossas famílias. Há confidências, troca de informações e desabafos que ficam ali no ambiente de trabalho. É por esse motivo que devemos procurar fazer de nosso ambiente de trabalho, tanto o social como o físico, o mais agradável possível. (a este propósito veja meu texto: “Ambiente de trabalho e as relações interpessoais”) [...]

  25. Gislaine Fernanda Says:

    Adorei os textos ele vão me ajudar muito no meu trabalho , estava meia perdida sobre o tema , mais agora tenho certeza que quero fazer sobre realção interpessoais no trabalho , estou no primeiro semestre de recursos humano , se voce , poder mandar mais alguns artigos seu serei grata !! !!! Gislaine

  26. Benito Pepe Says:

    Olá Gislaine, obrigado pelo comentário. Todos os meus textos estão publicados aqui no meu Site/blog. Você pode ir seguindo os links e você verá um texto completo sobre relações interpessoais no ambiente de trabalho. Veja os links com calma e atenção, há muito texto para você ler e pegar referencias bibliográficas.

    Um bom trabalho para você. Depois venha comentar como ficou seu trabalho, ok?

    Abraços do Benito Pepe

  27. Elenice Oliveira Says:

    Caro Benito, bom dia!
    Tenho que montar um treinamento para os colaboradores aqui da empresa, colaboradores que nunca trabalharam. exemplos de como se comportarem no ambiente de trabalho.

    Grata,

  28. Veja alguns Destaques das 200 publicações. Parabéns ao Site: Benito Pepe! | Benito Pepe - Palestras, Treinamento de Equipes e Cursos Says:

    [...] Ambiente de Trabalho e as Relações interpessoais [...]

  29. Angela Paes Says:

    Alguns comentários sobre Motivação.

    Precisamos compreender que a mecanicidade das necessidades básicas/vitais, como as fisiológicas, são de natureza bastante distintas de outras “necessidades”, psicológicas e sociais – que são subjetivas e altamente variáveis – relativas. Nem todos valorizam a segurança, a possibilidade de crescimento, as premiações, o status, o reconhecimento; autonomia, etc. Dessa forma, não há uma relação direta entre valores/motivos e motivação; enquanto podemos estabelecer diretamente uma relação entre necessidades orgânicas e motivação.

    É por pensar dessa forma que muitos líderes acabam experimentando enormes frustrações ao “tentar motivar seu time”.

    A motivação é um estado que se liga irremediavelmente ao desempenho, a ação. E, do ponto de vista das Teorias Psicológicas, motivação é um comportamento autogovernado, independente, persistente e sempre dirigido a objetivos bem específicos. Portanto, muito diferente de quaisquer ações triviais e cotidianas. E mais, quando a ação é motivada ela independe da força dos programas de recompensas para acontecer. Já, nas ações não motivadas, isto é, condicionadas, elas só se manterão enquanto existirem os esquemas de incentivos. Essa é a distinção básica entre motivação e condicionamento – ou movimento, como queiram!

    Outro ponto importante: A motivação não se generaliza por todos os aspectos do comportamento – ela é sempre dirigida a propósitos bem determinados. Assim, não é possível perguntas, como: “afinal, ele está ou não motivado?”, ou mesmo afirmações: “é preciso motivar; ter objetivos e força de vontade”.

    Para que a motivação traga aumentos substancias nos resultados temos que estar motivados a muitos fatores, dentre eles não esquecendo das atividades mais essenciais ao rendimento.
    É possível encontrar-se motivado para tantos empreendimentos e são tantos os motivos que podem nos levar a motivação que…..
    Digo e repito: há incontáveis cidadãos que, na sociedade capitalista de consumo, se apresentam fortemente motivados para consumo de bens materiais, status, sucesso, dinheiro, etc…. Essa corrida é um fato concreto e não podemos negar!

    É comum e normal, afinal sofremos diariamente enorme influência dos estímulos do meio externo e, o indivíduo, uma vez motivado, não se torna imune/infenso a esses vetores.

    Bem, entramos num campo minado que pode ser em breve discutido: sobre a questão da motivação intrínseca e extrínseca.
    Só adianto dizendo: como é possível o uso do termo “motivação extrínseca” para o que não é considerado como a “verdadeira” motivação???

    Para aqueles autores que afirmam que a “verdadeira motivação deflagra por forças internas, eu pergunto: “o que realmente isso significa?”; “como explicar isso?; qual é a natureza dessa força?”
    Não estaríamos todos nós, equivocados????
    Outro ponto instigante: presencio o esforço de muitos gestores para descobrir as orientações motivacionais de seus times, isto é, a preocupação em conhecer os objetivos/expectativas/anseios de seus colaboradores na estratégia de prover condições de satisfação desses desejos ou necessidades – como queiram!

    Eu pergunto: em que medida posso asseverar que uma vez satisfeita as inclinações naturais elas se reverterão em desempenhos que favoreçam a produtividade?

    A motivação não é um subproduto típico e especial da produtividade, mas um fenômeno comportamental, portanto, pertencente a área da psicologia.
    Segundo as teorias psicológicas mais consagradas, motivação é um comportamento autogovernado, persistente e sempre voltado a objetivos bem específicos. E mais, a motivação encontra-se irremediavelmente vinculada a ação.
    Valores, motivos são apenas norteadores, balizadores das condutas, e nem sempre despertam comportamentos persistentes. Dessa forma, não há uma relação direta entre motivos e motivação. A questão é outra!

    Outro ponto que merece análise: necessidades fisiológicas têm uma natureza diferente e não se deflagram do mesmo modo que operam os motivos, desejos, e vontades, que são instâncias nitidamente de ordem social. Um exemplo clássico: não se pode descrever e equipar o comportamento irrecorrível de um indivíduo que está com fome, sede com pessoas que se movem por motivos sociais (sejam eles quais forem!).

    Já, ambiente de trabalho, não é o único fator que responde pelo aumento da produtividade, aqui, outras variáveis entram em ação: a prática de habilidades especializadas; a utilização do conhecimento nas aplicações; a motivação quando voltada para as atividades essenciais à produtividade, etc.

    Obrigada,
    Ângela Paes!

  30. Benito Pepe Says:

    Olá Ângela Paes, obrigado por teu comentário e por teus questionamentos.
    Vou me atender apenas a um aspecto, pois seu comentário é muito amplo e já se auto-responde em muitos pontos.

    Bem, só quero diferenciar a palavra “Motivação” de outras, que possa parecer sinônimo para muita gente, mas não é a mesma coisa: Alegria, entusiasmo, e outras no mesmo sentido. Quando falamos de motivação em termos de empresa ou administração ou, ainda em recursos humanos etc. temos que lembrar que pessoas não são máquinas e, portanto não são “produzidas” em escala e muito menos são idênticas uma das outras, dessa maneira cada um reage de uma forma para a mesma ação administrativa. Assim em termos gerais, salvo as exceções às regras, o “Motivo para a Ação” – Motivação – vai depender da real necessidade, vontade e desejo de cada pessoa particularmente.

    Quando temos um sonho, um desejo e queremos realmente alcançá-lo, nos motivamos para fazê-lo. A alegria é o que vem depois da conquista, mas para conseguirmos a conquista precisamos, muitas vezes de muita motivação, muito trabalho e dedicação.

    O tema é de fato muito mais complexo que possa parecer em princípio, mas no meu texto eu só pretendo apresentar uma base do assunto e lembrar que tanto o ambiente físico como o social podem nos motivar sim, e que da mesma maneira que estes ambientes (o social e o físico) nos influenciam para a ação, nós influímos nestes ambientes…

    Abraços do Benito Pepe

  31. O Feedback na Empresa e em Nossa Vida Pessoal | Benito Pepe - Palestras, Treinamento de Equipes e Cursos Says:

    [...] nossos treinamentos de equipes e principalmente nas Palestras e Cursos de “Relações Interpessoais e o Ambiente de Trabalho” destacamos uma dinâmica bem simples quanto a questão do feedback, pedimos para que todos [...]

  32. cleusiane Says:

    boa noite!sua postagem é de grande valia, me ajudou muito!

  33. Benito Pepe Says:

    Ola Cleusiane, fico feliz com isso, volte sempre e recomende meu Site/blog aos amigos…
    Abraços, Benito Pepe

  34. Sidinalva Says:

    Boa tarde
    Esta postagem vai ajudar e muito nas aulas de relações humanas.
    Grata por dividir seu trabalho.
    Cheiro
    Sidinalva

  35. Benito Pepe Says:

    Valeu Sidinalva, volte sempre e veja outros textos e monografias mais completas com este tema no meu Site.

    Abraços, Benito Pepe

  36. Simone Says:

    Sou Psicóloga e estou gostando muito de ler sobre os variados temas de Benito Pepe, principalmente em se tratando de desenvolvimento de pessoas no ambiente organizacional.

    Gostaria se fosse possível que me orientasse e me repasse algumas técnicas de dinâmica de grupo.
    Em relação: Como descobrir talentos; Como desenvolver lideres; Como conseguir mudar as relações interpessoais dentro da empresa.
    A empresa que atuo, está com um gestor (Diretor) em que é altamente exigente, expõe os funcionários ao ridículo, faz sua secretária chorar e todos os funcionários só o veem de mau humor.

    O QUE FAZER E O QUE DEVO APLICAR, PARA MELHORIA NAS RELAÇÕES INTERPESSOAIS DESTA EMPRESA?
    O mesmo (diretor) concorda na proposta de melhoria, através da dinâmica de grupo aplicados em seus colaboradores e não nele. O que fazer nesta situação?
    Agradeço desde já a atenção.

  37. Benito Pepe Says:

    Olá Simone, obrigado pelos elogios e pelo questionamento.

    A situação em tua empresa não é nada fácil. Já me defrontei com situações deste tipo por diversas vezes. O chefe também não suporta a situação, mas não quer mudar o seu jeito de agir e ser. Nestes casos precisamos ir modificando aos poucos o comportamento organizacional na empresa e ir conscientizando a diretoria da necessidade de mudanças também por parte dela, isto não é tarefa fácil exige-se muita paciência. Mas o melhor já ocorreu a partir do momento em que ele próprio reconhece que seria bom ter “dinâmicas” na empresa.

    Para esta empresa te sugiro dois treinamentos: “Chefia e Liderança em uma Abordagem prática” e; “Relações Interpessoais e o Ambiente de Trabalho”.

    Detalhe: “Santo de Casa não faz Milagres.” Contrate uma empresa ou profissional especializado, ok?

    Abraços do Benito Pepe

  38. erica Says:

    nossa isso que li e muito bomm??????????
    obrigada……

  39. Benito Pepe Says:

    Valeu Erica! Volte sempre!!
    Abraços, Benito Pepe

  40. wellington Says:

    Gostaria de receber orientação e sugestão de fazer um TCC em gestão escolar, o mais rápido possive

  41. Benito Pepe Says:

    Bem, Wellington posso te ajudar, mas você precisa passar mais ideias, ok? o que você pretende pesquisar, qual é a sua pergunta?

    Abraços, Benito Pepe

  42. Célia Lima Says:

    Muito importante essa discussão sobre motivação e relacionamento. teoricamente temos até um pouco de “conhecimento”, mas o que falta é nos dedicarmos para vivenciar siruações concretas. Parabéns, professor.

  43. Benito Pepe Says:

    É isso mesmo Célia, obrigado pelo comentário.
    Abraço, Benito Pepe

  44. Gisele Maia Says:

    Boa tarde!
    Prezado Benito, estou concluindo meu MBA em RH estratégico e o meu artigo será a respeito de como as relações interpessoais influenciam na produtividade dos funcionários. Você poderia me indicar algumas referências bibliográficas?
    Agradecida, Gisele Maia.

  45. Benito Pepe Says:

    Olá Gisele Maia, parabéns pelo tema, bem interessante.

    Veja o link abaixo, contém alguns dos livros que te sugiro, caso precise algo mais específico, volte o contato.

    http://www.benitopepe.com.br/2009/03/06/bibliografia-e-referencias-bibliograficas/

    Quando terminar o teu texto e caso queira algum feedback pode contar comigo
    Abraços, Benito Pepe

  46. MARYANA LOPES Says:

    Gostei muito me ajudou muito !!!!

  47. Benito Pepe Says:

    Olá Maryana, obrigado pelo feedback!
    Abraços, Benito Pepe

Deixe um Comentário

Site/blog Desenvolvido por Benito Pepe no Wordpress 2008-2014.