Construindo Pontes ao invés de Muros

Dois irmãos que moravam em fazendas vizinhas, separadas apenas por um rio, iam se visitar todos os dias à noitinha. As duas fazendas ficavam bem de frente uma a outra, eles podiam se ver, mas a distância não permitia um diálogo a não ser com o esforço de uma caminhada. Cada dia um deles caminha por longo tempo até chegar a uma ponte distante, atravessava a ponte e caminhava mais um tempo até encontrar-se com o outro irmão em sua fazenda.

Ler mais

A Fábula da Perereca e o Mastro

Certo dia algumas pererecas estavam tentando subir um Mastro muito alto. O Mastro era liso e escorregadio, certamente era muito difícil de ser escalado, quase impossível. Havia vários outros animais lá embaixo que gritavam para as pererecas “aventureiras”: – Ei vocês aí em cima, estão loucas? Vocês não vêem que não vão conseguir subir? Desçam logo…

Ler mais

A Fábula do Pescador e o Homem de Negócios. Procure Prosperar, mas Viva a Vida Agora!

Esta fábula que segue pode ser interpretada de maneira equivocada por aqueles que acham que a vida é só trabalhar, trabalhar e procurar enriquecer a fim de usufruir a vida depois; também pode ser interpretada de maneira equivocada por quem acha que a Vida é só o Aqui e o Agora…

Ler mais

A Fábula do Vendedor de Cachorro-Quente e a Crise

Era uma vez um homem que vivia na beira de uma estrada vendendo cachorro-quente. Ele não tinha rádio, TV e nem lia Jornal. Preocupava-se apenas em produzir e vender bons cachorros-quentes. Prezava muito a qualidade do pão, da Salsicha e do atendimento ao seu cliente.

Ler mais

A Fábula do Rato e uma Analogia com o Ambiente de Trabalho

A fábula que segue nos leva a refletir quanto aos “problemas de trabalho” e as relações interpessoais. A Fábula do Rato, nos mostra claramente como deveríamos nos comportar no Ambiente de Trabalho. Muitas vezes esquecemos que fazemos parte da mesma Rede de Relações Interpessoais.

Ler mais

Quatro Cegos e a Avaliação de um Elefante. Como cada um o vê?

Esta fábula do folclore Indu que segue abaixo é clássica e mostra como cada indivíduo que vê as coisas somente do seu ponto de vista pode pensar estar certo, no entanto pode concluir estar errado quando vê as coisas por outro lado, de outro ponto de vista. Quando ouvimos todos os lados envolvidos em uma situação e outros pontos de vista, podemos tirar uma conclusão mais eficaz e completa de uma situação. A empatia é fator preponderante.

Ler mais